sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011

SUCESSO METEÓRICO DE ANA CAROLINA NESTA SEXTA NA MARINA DA GLÓRIA. CONFIRA ENTREVISTA EXCLUSIVA COM A CANTORA


Foram oito anos cantando em barzinhos, ás vezes para apenas duas pessoas, até Ana Carolina ser descoberta. E a olheira ilustre, filha de Vinícius de Moraes, já era o prenúncio do sucesso que chegaria ás grandes gravadoras e, em seis meses, venderia 100 mil discos, emplacando o hit "Garganta".

A primeira canção que explodiu nas rádios se seguiu de outras dezenas que sempre foram conservadas no repertório, sem o medo de estigmatizar a compositora, conforme ela mesma revela nesta entrevista exclusiva, em preparação para o show 
desta sexta - feira na Marina da Glória.

"Gosto de cantar meus sucessos e, como são muitos, não fico pensando se deveria cantar ou não essa ou aquela música. O sucesso vem como consequência do reconhecimento do público, que é meu aliado, e nunca vou brigar por isso", revela o ícone da MPB.

Enquanto cativava seus primeiros fãs, Ana despertou a admiração de grandes artistas, que a inspiraram e, indiretamente, ajudaram seu trabalho a chegar a todos os continentes.

"Logo no começo, tive o reconhecimento da Maria Bethânia e João Bosco, que são ídolos para mim e sempre foram grandes referências musicais. E exatamente por ser Música Popular Brasileira, que é reconhecida no mundo inteiro, comecei a fazer shows fora do Brasil. Mas as portas já tinham sido abertas por Maria Bethânia, João Gilberto, Carmem Miranda...", disse Ana, que reconhece a herança deixada aos cantores nacionais para o grande sucesso da MPB.

"Para nós, artistas brasileiros, cantar pelo mundo é consequência do reconhecimento desta música forte que produzimos e é tão impactante", completou.

Garanta já seu ingresso para o show de Ana Carolina, nesta sexta - feira. Antes, teremos a exibição do documentário "O samba que mora em mim". Depois, quem comanda a festa é o DJ Papagaio.

PARA PARTICIPAR DAS PROMOÇÕES, ACESSE TAMBÉM NOSSO TWITTER    E FACEBOOK

FONTE: Blog Verão do Rio. 
                                                                                    

Nenhum comentário:

Postar um comentário