terça-feira, 23 de março de 2010

MÚSICA "TÁ RINDO, É?" REPRESENTA MOMENTO DA VIDA ATUAL DE ANA CAROLINA

A CANTORA, QUE SE APRESENTOU NESTE SÁBADO EM BELO HORIZONTE, FALOU, COM EXCLUSIVIDADE, A GLOBO.MINAS.COM

                        

A cantora Ana Carolina lançou o disco "N9ve" neste sábado em Belo Horizonte. O show apresentado em BH conta com efeitos cenográficos, como projeção e até uma chuva de verdade.
               Ana Carolina selecionou para este espetáculo, canções que refletem os dez anos de carreira: dos sucessos iniciais como 'A Canção Tocou na Hora Errada' e 'Nada Pra Mim' ao repertório completo do disco recém - lançado "N9ve".
              A Globominas.com entrevistou a cantora. Leia abaixo a entrevista:

Em que características este disco se difere dos outros?

O disco "N9ve", lançado em julho do ano passado, estreia a participação de muitas parcerias. É a primeira vez que trabalho com tantos convidados, como Maria Gadú, John Legend e Esperanza Spalding. Outro parceiro constante, Antônio Villeroy, também participou deste álbum.
             Uma das músicas deste CD, "10 Minutos", foi selecionada para o repertório da novela Tempos Modernos, veiculada pela Rede Globo em 2010. Outro ponto que observei é que este CD pode ser considerado o mais suave que os outros da minha carreira.

Como você avalia a evolução do seu repertório nestes 10 anos de carreira? 

Aprendi, ao longo destes anos, que se uma música for suave, ela tem chance de ser ouvida mais de uma vez. O tempo de audição de uma música está relacionado com o grau de suavidade, com o tom, com a batida. Desta maneira, vejo que, ao longo do tempo, adotei a este conceito no meu repertório para não cansar os ouvintes. Mesmo que minha voz seja grave, a música envolve o ouvinte com suavidade.
               Quando comecei a cantar, com 24 anos, eu era muito jovem e queria agarrar o mundo com uma só canção, geralmente bastante intensa. Ao longo da minha carreira, adquiri mais calma para realizar canções suaves e equilibrar o repertório dos álbuns.

O show N9ve conta com eveitos cenográficos, com uma chuva de verdade. Qual é o conceito do espetáculo?

O show, batizado com o mesmo nome do disco, é dirigido por Bia Lessa. A ideia de incrementar a produção deste evento foi em comemoração pelos dez anos de carreira. A diretora inseriu estes efeitos cenográficos que proporcionam um ambiente impactante. Na abertura do show, eu entro em uma grua, por trás de uma cortina de filó. Nuvens são projetadas no fundo do palco enquanto vou entrando no palco, em cima de um traveling - equipamento usado em filmagens cinematográficas. O efeito, para quem vê de longe é de que estou flutuando.
                 Durante o show são projetadas imagens de prédios iluminados e de partes de cidades urbanas. Pedro Farkas é quem dirige a projeção das imagens, que tem um papel forte no espetáculo. Uma chuva de verdade é recriada durante o espetáculo para trazer a cidade para dentro do palco. O show, direção musical de Alê Siqueira, exalta o conceito de urbanidade, que tem relação com as letras do disco.

Qual música define o momento atual da sua vida?

Como eu faço música, é difícil escolher uma canção que reflita um momento de vida, mas, neste momento, gosto muito de uma música deste disco que faz a seguinte pergunta: "Tá Rindo, É?"


FONTE: Globo Minas

Nenhum comentário:

Postar um comentário